Buscar

Autoconhecimento, amor próprio e cuidados pessoais: o que isso tem a ver com o seu estilo?

Atualizado: 27 de nov. de 2021


A impressão geral é que 2021 passou ainda mais rápido que os outros e agora já estamos de braços abertos para receber 2022. Cheias de esperança com a vacina, novos sonhos e conquistas que estão aí à espreita com a renovação que um novo ano traz.


É normal passar os últimos meses pensando sobre o que foi realizado e traçar novos objetivos para o ano que vem. Mas antes mesmo de você preparar sua listinha de desejos, vamos olhar para dentro mais uma vez:

O quanto você se amou esse ano, o quanto você se cuidou?

O que quero perguntar com isso é simplesmente: o que você fez por você mesma em 2021? Talvez ninguém tenha te perguntado isso, nem mesmo você mesma, mas agora é a hora.


O bate-papo de hoje é sobre autoconhecimento, amor próprio e cuidados pessoais. Para isso, trouxemos o olhar de uma expert que admiramos muito, @yuriaraujoconsultora, consultora de imagem, estilo e cor.


Autoconhecimento e seu estilo


É brilhando de dentro para fora que nós temos a nossa melhor aparência. O estilo muitas vezes acompanha como um refletor como estamos nos sentimos, mas pode muito bem funcionar ao avesso também. Se conhecer é essencial!


Yuri afirma que o estilo é “nossa forma de expressão pessoal, e apesar de ter a nossa essência, sofre influências diretas das fases, de acontecimentos da vida e também do nosso humor”.


A Consultora, que logo na bio do Instagram já diz que “autoconhecimento transforma”, nos ajuda a entender essas correlações quando explica que estilo pessoal é uma construção feita ao longo da vida que reflete nossos gostos.


O modo como você se apresenta visualmente é uma forma poderosa de auto expressão e pode te ajudar de formas diversas. Esse senso de que a forma como você se veste, por exemplo, afeta a maneira pelo qual outros têm impressões sobre você é poderoso.


Vista-se de amor próprio


Como a Yuri mesmo nos disse: “A imagem fala!”. E ela não poderia estar mais certa. A Consultora já adverte que é importante projetar uma imagem estratégica, que transmita o que você deseja. Não é só nos negócios, por exemplo, que o seu visual importa, mas também na própria autoestima.


Em plena pandemia, nunca se viu tantas mulheres se perfumando, colocando suas melhores semijoias e maquiagem para trabalhar em casa e participar de reuniões no Zoom. No final, sua imagem também é parte do autocuidado. Ela influencia não apenas como as outras pessoas te veem, mas também como você se enxerga e se coloca no mundo.

“Vimos que se por um lado esse período fez com que muitas mulheres sentissem ainda mais a sobrecarga e mal tivessem tempo para cuidarem de si, inclusive reavaliando a real necessidade de pintar cabelo, fazer unha, depilação... O olhar para si também promoveu inúmeros desejos de mudanças estéticas, seja através de corte de cabelo, pintura, compras online, até o surgimento de um desejo maior por procedimentos cirúrgicos, sobretudo no rosto devido à constante exposição às câmeras e filtros”. - Yuri Araújo

Afinal, quanto melhor nos conhecemos, melhor são nossas escolhas e também mais direcionadas, fazendo com que nós tenhamos uma relação mais saudável com o estilo pessoal.


A relação com as cores


As cores estão aí para brincarmos e mostrar não apenas quem somos, mas como anda nossa sociedade. Não é atoa que na Primeira Guerra Mundial as roupas prevaleceram no neutro e preto, em concordância com o cenário de desamparo.


Ao mesmo tempo, neste mesmo período, as mulheres tiveram que assumir trabalhos antes masculinos. Apesar dos uniformes, muitas conseguiram mostrar sua feminilidade e personalidade por trás dos uniformes usando unhas e batons vermelhos.


Afinal, somos vibrantes, certo?


Essa lembrança quer dizer muito sobre a nossa relação com as cores, tanto que hoje existem estudos só voltados para a coloração pessoal, como o serviço que a Yuri oferece, sendo uma das etapas da consultoria de imagem e estilo.


De acordo com ela: “É uma ferramenta de análise muito interessante para compreender como a nossa beleza harmoniza com as cores, de acordo com as características em comum. A partir de um teste comparativo descobrimos as melhores cores e tons de roupas, maquiagens, tonalidades de cabelo, acessórios e estampas”.


Não é atoa que muitas de vocês já estão pensando, junto com os desejos para 2022, qual cor de roupa vai usar para trazer essa sorte. Afinal, não custa ajudar, não é? O mesmo acontece com o uso de semijoias, há aquelas que nos lisonjeiam mais, por isso, compreender um pouco sobre temperatura, contraste pessoal, intensidade, estilo e imagem pessoal ajudam nas escolhas.


Para finalizar o primeiro post do blog, temos um convite para você continuar nos acompanhando. Mês que vem tem mais papo gostoso, dicas e autocuidado para fazer você se sentir bem consigo mesma.


Com as palavras da querida Yuri, que fazemos as nossas, desejamos para todas as mulheres em 2022 a seguinte reflexão:

O autocuidado vai muito além da aparência. Mas sentir-se bem pode ser alcançado através de uma aparência desejada. Por isso, eu diria para encontrar espaço e tempo para fazer coisas que te façam bem. Coisas que te façam feliz e sejam PARA VOCÊ E POR VOCÊ!

Texto escrito por Isadora Catem (@intensitiva)

22 visualizações0 comentário

Blog da Dri